Cena de Batman
Listas

The Bat and the K-at – Playlists direto da Coreia para os justiceiros de Gotham City

Você já assistiu um filme? Sabe, um filme? Aquele tipo de mídia em que as imagens se movem e às vezes as pessoas neles te convencem que, na verdade, são outras pessoas? É bem fácil de responder essa pergunta: se você ainda não prestigiou Batman (2022), com certeza não assistiu um filme, nem conhece o que é cinema. O cinema foi criado em 3 de março de 2022, data de estreia de Batman (2022), e nós temos provas. Confia.

Como um podcast 100% dedicado a Batman (2022), resolvemos mostrar neste post que, assim como aparentemente o mundo inteirinho, ainda não superamos esse grande lançamento. Estrelado por Robert Pattinson, o único ator e um rapaz que a equipe do KPT gosta um tanto normal, o filme resgata todo aquele romance, aquele anseio (a gente tá falando de sexo) que caracteriza a relação entre o Morcegão e a Mulher-Gato (Zoë Kravitz).

Dominados pela emoção e jogando a razão pela janela para descobrir se ela cai em pé, o Caio e a Sam se juntaram para criar playlists paralelas para os dois personagens… mas só com músicas asiáticas, é claro! O que Bruce Wayne e Selina Kyle ouviriam se fossem assim, gente como a gente, k-poppers fedidos emocionados? A resposta está logo abaixo:

The Bat…

É como já dizia o Charada: “Bruce Wayne… Bruce… Wayne”. E ele estava certo. Pra quem não sabe, esse é o nome do Batman, e por trás daquela máscara existe um ser humano complexo, cheio de sentimentos e uma vontade de gritar que se vestir de morcego para bater em criminosos não é só uma fase.

As músicas nessa playlist vão de uma piada extremamente óbvia (que temos o dever cívico de fazer) a músicas emo, tristes, dark, cheias de caos, barulho e sentimentos demais para uma pessoa só… que se tornam um pouco mais sugestivas e sexy até chegar naquela que diz “sim, gosto de apanhar de mulher bonita, sou gado e meu pai aprova essa mensagem”. As escolhas aqui foram baseadas em extensa pesquisa (eu senti que seria correto), atenção (pensei nelas com meu cérebro) e intervenção divina (vieram a mim através de um sonho), portanto são confiáveis e obviamente corretas.

O que “Empty”, “Scream”, e “A.D.T.O.Y” tem em comum além de serem grandes hinos que jamais serão esquecidos? Cada um representa uma faceta específica de um personagem tão fascinante, tão amado pelo público em tantas versões, que cá estamos nós, usando o 1º de abril como desculpa para falar sobre ele e jogar um pouco de nossa animação para o mundo. E quem poderia nos julgar?

… and the K-at

Assim como todos nós, Selina Kyle carrega muitas dualidades dentro de si. Heroína e vilã, mulher e gato, sexy e feminista – antíteses que coexistem dentro da personagem e também dentro da nossa playlist. Como já dizia o ditado popular: um pouco de droga, um pouco de salada.

Partindo da mesma música que termina a playlist do Homem-Morcego (porque a gente não é sutil, pessoal!), a já atemporal “Get Away”, dos nossos filhos do VERIVERY, fizemos uma misturinha bacana de hinos girl power e músicas… bom, músicas praquela hora. Sabe, aquela.

Entender qual música representa cada um desses lados, e principalmente qual delas têm um pouco dos dois, aí deixamos com vocês. O KPT escreve certo por linhas tortas e tal.

Leia também:

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: