Site Loader

O aplicativo Universe foi lançado no início de 2021 sob a premissa de aproximar fãs e artistas lançando conteúdos regularmente e tendo à mão uma plataforma de chat no qual os artistas poderiam compartilhar conteúdo de maneira próxima tanto com fãs assinantes quanto não-assinantes.

Daehwi do AB6IX, YooA do Oh My Girl, Kwon Eunbi e Kevin do THE BOYZ | Divulgação Universe

Entre programas de rádio e de variedade, a maior expectativa de conteúdo para cada um dos artistas do Universe é o de lançamento de música – primeiro em parceria com a Kakao e agora com a Warner, e pelo menos uma vez ao mês desde janeiro de 2021 nós temos sido agraciados com essas pequenas surpresas.

Surpresa porque o aplicativo foi protagonista de alguns perrengues que deixaram todo mundo cético, mas no que diz respeito à música? Olha… Eles estão… acertando em cheio. Por isso, cada um da equipe KPT resolveu montar seu top 3 lançamentos do Universe e contar um pouco mais do porque amamos tanto essas faixas que provavelmente vão cair na obscuridade de seus respectivos fandoms.

Alguns desses lançamentos já entraram em episódios do podcast, mas é aquele ditado: não se pode ter coisas boas de mais. Então bora?

TOP UNIVERSE DA CAMBS

2° Monsta X – KISS OR DEATH

O único motivo pelo qual Kiss Or Death não está em 1º lugar é que o Monsta X não aumentou o nível e fez um conceito de vampiro. A música chama Kiss Or Death, metade deles já parecem vampiros e a coreografia tocando o pescoço no refrão? Tudo isso e NÃO TEM vampiros? Um crime contra minha pessoa. Mas mesmo assim a música é um bop e eu escuto ela uma quantidade saudável de vezes, os pedaços de coreografia que aparecem são tão bons de ver e esse conceito de viagem no tempo com uma pitada de Agatha Christie? Eles se importam comigo. A dualidade, pois é. E roupinhas de couro, esse também é um ponto importante. Esse bop vampiresco sem vampiros podia fácil ser até música título deles ou uma b-side promovida (ela merecia promoções!!).

3° AB6IX – Gemini

Na verdade o meu 3º lugar é um empate entre AB6IX e ATEEZ, porque é óbvio que em algum momento eu ia sofrer pra escolher, mas como eu não posso desviar o formato desse post (mais que o normal, rs), saibam aqui que é um empate. Como eu quis fingir que não era previsível, nossos lindinhos do AB6IX estão aqui com textinho porque Gemini é boa, né? Eu não lembro exatamente o que comentei dela lá no episódio 33, mas o importante é o agora e ai como ela é boa. Toda a vibezinha disco combina sempre muito bem com os meninos, a distribuição é boa e o refrão é o gif do Bob Esponja flutuando. Essa música me dá serotonina, e é sobre isso. E eles ainda mandaram um dance practice. Obrigada, AB6IX. Eles se importam com a gente.

THE BOYZ – Drink It

O The Boyz se importa comigo e mandaram um conceito de vampiro. VAMPIROS!! Então, como toda música que tem tema de vampiros, Drink It é um B-O-P. Que música boa minha gente, ai ai. Temos batidinhas EDM, refrãos que grudam na cabeça, e raps que chutam sua cara e que também são sussurrados. O New mais uma vez lembrou todo mundo que ele é cantor, ele canta, e mandou aquele notão no final. A ponte da música é dramática daquele jeitinho meio emo que não pode faltar, e eles brincam bastante com o alcance vocal de todos os membros. A distribuição de linhas foi bem feita até, de forma que todo mundo é bem colocado durante a música inteira, com partes boas e dando um momentinho para cada um deles brilhar.

E esse ponto de cada um ter o seu momento só melhora considerando que existe uma historinha no MV!! Que é bem simples e direta: Younghoon, por favor, namore comigo. Sinceramente? Relacionável, eu também queria namorar o Younghoon. Drink It é sobre vampiros, e não existe vampiro que não seja LGBT+, então começando já com o maior chaotic bi do grupo, o Juyeon, a gente sabia que vinha momentos de “Fellas is it gay?”. Embora ninguém estava preparado de verdade com o que veio no decorrer do vídeo porque AQUELA cena do Younghoon e Juyeon? Passo mal até hoje. A cheirada no cangote do Sangyeon? Seja lá o que foi aquilo do Sunwoo? Serviram demais. Ícones. Eles só queriam mais um namoradinho pro clã de vampiros, e fizeram isso mandando um bop, sabe? Ai ai.

TOP UNIVERSE DA SAM

2° CRAVITY – VIVID

Aqui temos um belo exemplo de como uma boa segurada no instrumental pode criar perfeição. “VIVID” começa como algo que me decepcionaria, dando a impressão de que o release seria um R&B sem graça, um rap lite que tanto desgosto. Mas, para minha alegria, chega uma batida grave e chique, nos levando para a parte calma do verso, que então dá lugar para o animado pré-coro, criando hype para o que está por vir. E daí? Bem, daí eles dão uma pequena pausa. Bem curta, na verdade, o suficiente para uma respirada básica. E esse simples artifício cria a tensão necessária para que a incrível chuva de sintetizadores derrame suas glórias sobre nós, a beleza em forma de som, um refrão digno de ser degustado como prato principal, que inclusive traz uma sobremesa divina em sua segunda parte (com uma breve pausa na bateria para trazer a tensão de volta). “VIVID” é maravilhosa, viciante, e extremamente satisfatória de ouvir.

3° Kang Daniel – Ready to Ride

O Cantor Daniel tem um dom absurdo para fazer músicas que são dramáticas e low-key ao mesmo tempo. A futurista “Ready to Ride” não é exceção: seguindo o conceito de corrida, os sintetizadores que soam como um carro em alta velocidade são certeiros ao transmitir a intensidade que o artista demanda. Daniel sabe que não precisa berrar a plenos pulmões para se destacar, e deixa que o ótimo instrumental trabalhe a seu favor enquanto sua voz se mantém calma, contida, exibindo suas cores distintas enquanto o rapaz afirma ser “um tipo especial de louco”. E o que dizer do “ready to riiiiiide” do refrão, que se encaixa lindamente com os instrumentos no fundo, criando um coro delicioso? Nossa. Em poucas palavras, a música é incrível, e eu não esperava menos do grande Cantor.

KWON EUNBI – ESPER

Quase como uma palinha do que viria ser a ótima “Magnetic” de seu segundo álbum, a “ESPER” de Kwon Eunbi mostra que o conceito chique atrelado à imagem da solista pode, sim, ter um pouco de edge. O single possui instrumental poderoso, mas sedutor, conquistando o ouvinte com o xilofone que embala a batida envolvente. Seu refrão inclui na doçura aguda acordes distorcidos, graves, trazendo um contraste delicioso à faixa, e é quase impossível tirar o “Say la la la la” da cabeça. Como não se apaixonar por tantos charmes musicais?

Tal como no MV, em ESPER Eunbi se utiliza de sua bela voz e trejeitos delicados para nos enganar sobre as possibilidades que seu talento e carisma trazem. Quem diria que a líder do IZ*ONE faria uma música quase-que-de-verão e um MV em que ela usa uma arma de fogo para matar pessoas? Eu certamente não. Mas cá está ela, com seu vestido branco e botas pretas, olhando para a câmera como quem sabe exatamente o que está fazendo – criando uma armadilha que nós, estúpidos mortais, não somos capazes de resistir.

Então eu pergunto: ficamos surpresos que ESPER ganhou a nossa enquete de sexta-feira? Absolutamente não! Como sempre, nossos vencedores da enquete ganham um kit especialíssimo na nossa loja parceira Taeilsmate, então aproveite para comprar vários fanmades lindos da nossa belíssima Eunbi!

TOP UNIVERSE DO CAIO

2° CIX – Tesseract

O gancho instrumental de “Tesseract” (aqueles toquinhos de guitarra no fim de cada verso do refrão) é tão forte que, honestamente, ela não precisaria de muito mais que isso para funcionar. Mas a verdade é que os meninos do CIX e os produtores Hui e Minit mandaram muito bem também no restante da música, intercalando as intervenções energéticas de BX, um dos rappers mais subestimados da geração, e usos espertos dos agudos de Seunghun e Jinyoung para conduzir o ouvinte para um lado e para o outro daquele refrão. Adicione aí uma coreografia (apropriadamente) geométrica, fascinante de se assistir, e você tem um dos maiores atos do grupo, do Universe e do ano.

3° Kang Daniel – Outerspace

Nada como uma bela linha de baixo e um refrão trabalhado no anti-drop, né? “Outerspace” é uma daquelas pérolas pop que nunca explodem, mas que te pegam pela tensão que criam com o instrumental. Por cima de um sintetizador pontual, Kang Daniel desfila o seu falsete delicado e abre espaço para o rapper Loco em um verso que exala aquela energia “CEO convida seus amigos para participar da música“. Ah, e é sempre bacana vê-lo executando uma boa coreografia, com o seu estilo meio old Hollywood de dançar, pernas e braços alongados se movendo pelo ar. A verdade é que ele não sabe brincar – Daniel sempre entrega tudo, até porque sua 2ª música para o Universe, “Ready to Ride“, também é ótima.

AB6IX – Gemini

É impossível para mim não colocar “Gemini” no topo dessa lista. Com o seu baixo estourado remanescente do city pop japonês, seu uso adorável da voz cantada (e não rappeada) do Woojin, a forma como o diretor do MV sabe o quão delicioso é ver o Daehwi executar uma boa coreografia do jeito limpo e geométrico dele… “Gemini” foi feita para mim, eles fizeram pensando em mim. Eu sinto isso no fundo das minhas entranhas.

Isso sem contar que, como um todo, a produção é muito Antena 1, e isso também é muito eu. A melodia oitentista viciante do refrão é complementada pelos sintetizadores dreamy dos versos, e – mesmo que não faça muito sentido – o efeito cósmico de cantar “I’m your Gemini, you’re my Mercury“… funciona, sabe? Funciona demais. Sem reinventar a roda (a estrutura da canção é bem simples), “Gemini” faz meu coração pular umas batidas sempre que eu a ouço.

Mais opiniões sobre Gemini:

TOP UNIVERSE DA BY

2° Monsta X – KISS OR DEATH

Verdadeiro presente para o Monbebe fã de teorias, a faixa que o Universe fez para o Monsta X é a cara do grupo e empresta elementos da era “Dramarama” (e suas vertentes) na qual os membros viajam no tempo usando um relógio. Em “Kiss or Death”, o relógio é diferente – o que faz sentido, porque os deles de “Dramarama” foram quebrados e agora os membros parecem estar trabalhando juntos. Num trem que viaja entre os planetinhas do Universe, temos a impressão de que eles estão bolando um plano de fuga e mais do que a faixa ser ótima de se ouvir sozinha, todo o visual do MV é altamente atraente, então vale a pena assistir também, confia em mim, e ficar esperando continuação que nem a gente.

3° IZ*ONE – D-D-DANCE

A primeira música da plataforma calha de ser a última música oficial do IZ*ONE e uma das suas mais fortes. As meninas, que disbandaram em abril do mesmo ano sem um álbum de despedida (você me paga, Mnet!!!) deixaram pra gente um verdadeiro banger com refrão e pós-refrão super chicletes e a surra de beleza na tela, além de dar uma prévia do que estava por vir para suas membros – o vocal mais confortável da Wonyoung, a presença central da Yena, a força da Yujin, a classe da Eunbi entre outros detalhes que quem foi (é) fã do grupo consegue ver com muito mais clareza em retrospecto.

Oh My Girl – Shark

Como pessoa que caiu de amores pela Jiho especialmente nesse MV, é meio triste falar de “Shark” hoje em dia, mas para mim essa continua sendo a faixa superior de todos os lançamentos do Universe Music.

O Oh My Girl tirou uma página do livro de clones do VeriVery e transformou em diversão em “Shark”, que foi o primeiro lançamento que acompanhei após instalar o app. O rap da Mimi quase onipresente em cada bloco da faixa é super atraente e o refrão iniciado pela Seunghee (que está no auge da beleza!!!) deixam a música ótima por si só, mas pra completar as partes de vocal são excelentes (Binnie! Hyojung! Arin! Jiho! 😭) e o pós refrão da Yooa é a cereja do bolo.

Eu amo tudo nela. Absolutamente tudo. E cada vez que ouço de novo, lembro porque me apaixonei e amo mais. É uma faixa adorável e ao mesmo tempo madura sobre se soltar e isso é muito a cara do Oh My Girl e suas bsides com cores diferentes do habitual em comparação à imagem estabelecida para o grupo aos olhos do ouvinte comum (como comentamos no episódio 33). Icônicas.

E você, tem uma música preferida que saiu do Universe ou é incapaz de escolher, por isso montou um top 3 que nem a gente? Conta aí nos comentários, pode ser? Vamos esperar pela sua listinha!

Você pode ouvir todas as músicas lá no canal do Universe no Youtube.

Confira também:

Compartilhe:

byzinha

Byzinha, linha de 1989. No k-pop desde 2018. Meus grupos preferidos são ATEEZ, Seventeen e Monsta X.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Logo do k-pop top podcast

Bem vindes ao blog do K-Pop Top, o podcast do kpopeiro emocionado.

twitter | instagram | facebook | linktree

Banner para te chamar para ouvir o k-pop top podcast. Disponível no Anchor, Spotify, Apple podcasts, Youtube em muito mais.

Aproveite nossos cupons

Taeilsmate Store

Banner em azul, verde e roxo com detalhes em dois tons de rosa anunciando o kit de enquete de sexta em parceria com a Taeilsmate Store. são 9 polaroids, 9 photocards, 1 poster A4 ou 2 posteres A5 pelo valor de R$ 28,00 com frete incluso. caso o cliente tenha votado na enquete, o kit sai por R$ 15,00. As imagens são personalizadas com os ganhadores de enquete, basta fazer o pedido pela dm da Taeilsmate

Puzzle Editions